Picture of MadeinWeb

MadeinWeb

Leitura: 8 minutos

Ao gerar leads, você aumenta as suas chances de vendas no seu negócio. Um lead é um potencial cliente que chega a sua base de contatos através de um certo interesse em um produto ou serviço da sua marca.

Para gerar leads, é importante saber que eles  são aquelas pessoas que forneceram algumas informações pessoais como:

  • nome;
  • e-mail; 
  • telefone;

 Em troca, eles recebem material rico, como:

  • e-book;
  • infográfico;
  • webinar;
  • planilhas;
  • etc. 

O interesse é mútuo, ou seja, o lead recebe um material de interesse enquanto a empresa consegue trabalhar a jornada desses leads com o intuito de torná-lo um cliente. 

Mas como atrair este usuário até a sua página de conversão? Como convencê-lo de que aquele material é realmente valioso e importante? Tudo isso faz parte de estratégias para gerar leads. Continue a leitura e entenda como esse conjunto de ações podem beneficiar a sua empresa e sua equipe de vendas! 

 

criacao-de-estrategias-para-gerar-leads

Se você quer crescer como uma empresa, é muito importante saber gerar leads

 

Por que gerar leads? 

Se você quer crescer como empresa e, claro, gerar vendas, é preciso ter uma estratégia bem definida para atrair potenciais clientes. Sem isso, suas vendas empacam e a sua equipe comercial não consegue realizar a venda. 

Logo, é necessário focar em técnicas de atração e captação de leads para que as vendas sejam efetuadas com sucesso. No entanto, é preciso lembrar que de nada adianta ter uma base cheia de leads, mas de baixa qualidade, ou seja, com pouquíssimas probabilidades de fechar negócio. 

Por isso, mais do que atrair leads, é preciso atrair leads qualificados. Mas como? Calma! Vamos te ensinar tudo o que sabemos sobre estratégias para gerar leads! 

Leia também: O que é uma estratégia de marketing digital 

Como gerar leads: passo a passo definitivo

Como dissemos logo no começo deste artigo, para gerar leads é preciso oferecer um material rico que possa despertar o interesse do usuário. Com um conteúdo útil para o usuário, ele vai disponibilizar as informações que você precisa em troca do material. 

Portanto, o primeiro passo é estudar muito bem o seu público-alvo para entender os seus interesses, localidades, escolhas, enfim, tudo o que ele gosta e desgosta. Só assim é possível definir qual o material rico a sua equipe de conteúdo precisará produzir. 

Material Rico: o que é?

O material rico é um conteúdo relevante, normalmente mais extenso, e que apresenta informações úteis para o público em questão. Eles podem ser oferecidos em forma de cartilhas, e-books, planilhas, calculadoras (simuladores), quizzes, entre outros. 

Com esses materiais mais aprofundados em determinado assunto de interesse da persona, é possível gerar leads mais qualificados. Essa estratégia é fundamental para coletar os dados de contato, que é nosso principal objetivo aqui. 

Para isso, o conteúdo precisa apresentar informações realmente relevantes. Levantar dados, apresentar pesquisas, entrevistas, embasamento e fundamentos é essencial para gerar credibilidade e fazer com que o lead continue consumindo os seus conteúdos. 

Aliás, um conteúdo relevante atrai visitantes ao seu blog por meio de estratégias de SEO, o que aumenta também o posicionamento do seu site em ferramentas de busca. Conheça mais sobre as estratégias de inbound marketing e como elas podem ajudar. 

Leia também: O que é persona

Qual a importância do marketing de conteúdo para gerar leads?

Esses conteúdos bem posicionados engajam e direcionam os usuários a se tornarem leads. Um e-book bem construído, por exemplo, pode ser divulgado dentro de um post-blog com um tema semelhante. 

O marketing de conteúdo é fundamental para educar e informar a sua persona. Ao oferecer conteúdos relevantes, ele sente confiança na marca para baixar algum material rico, certo de que aquele material também poderá auxiliá-lo. Ou seja, tudo está interligado e precisa estar muito bem desenhado para levar os leads engajados para dentro da sua base. 

Para coletar esses dados, é preciso desenvolver páginas de conversão com formulário e levar os usuários a essas páginas por meio de pop-ups e ctas. Entenda! 

 

marketing-para-gerar-leads

Saiba mais sobre algumas estratégias para gerar leads para a sua empresa

 

Landing Page, formulários, pop-ups e CTAs

Para coletar os dados do usuário e transformá-lo em lead da sua empresa, é preciso contar com formulários de cadastramento estrategicamente posicionados. Para baixar um material ou cadastrar a participação do usuário em um webinar, é preciso construir uma Landing Page, ou página de conversão (página de captura). 

Nessa Landing Page deverá conter todas as informações referentes ao material que o usuário está prestes a baixar, seus benefícios e, claro, que aquele é um material gratuito.

O formulário precisa ser simples, afinal, quase ninguém gosta de preencher formulários extensos e que peçam seus dados pessoais (rg, cpf, por exemplo) sem necessidade. 

Para levar o usuário até a Landing Page e o formulário, é preciso incluir pop-ups, banners e CTAs dentro dos conteúdos do Blog. Além disso, existem outras formas de divulgação que devem ser levadas em consideração. Confira! 

Redes sociais

As redes sociais são uma excelente ferramenta para fortalecer o relacionamento entre marcas e clientes, mas não apenas isso. Com um bom planejamento estratégico, é possível utilizá-las para gerar leads de forma orgânica e paga. 

Alguns exemplos de redes sociais para gerar leads são:

  1. Facebook.
  2. Instagram.
  3. LinkedIn.
  4. YouTube.

Assim como para a produção de materiais ricos, é preciso definir muito bem a sua persona e entender os seus interesses e através de quais ações elas serão mais efetivas. Neste estudo, é importante entender também em quais canais o seu público está e como ele se relaciona. 

Facebook

Em todo o mundo, existem mais de 80 milhões de páginas de negócios no Facebook, usadas por mais de 2 bilhões de usuários em todo o mundo, liderando as mídias sociais. 

O Facebook oferece a opção de utilizar uma fan page, grupos e até criar eventos para centralizar informações e compartilhamentos. Além disso, é possível segmentar o público por idade, interesses, localização e desenvolver anúncios (Facebook ads) de marketing e remarketing com formulários rápidos e personalizados. 

Instagram

Hoje, são 1 bilhão de usuários ativos no Instagram. Para se ter ideia, 30% dos usuários compraram algo que conheceram na plataforma, segundo dados do Yotpo. Isso fez com que 70% das empresas estadunidenses entrassem para a rede social. 

Com tantos usuários ativos e abertos a se relacionarem com as marcas, é possível utilizar o Instagram de forma estratégica para gerar leads. Utilizar hashtags para expandir o seu alcance, incluir CTAs nas legendas das publicações, usar os reels, IGTV e stories para aumentar o engajamento. 

Além disso, você também pode patrocinar posts e stories com a segmentação para o seu público-alvo e aumentar as chances de atração e conversão. 

LinkedIn

Atualmente, o LinkedIn conta com mais de 20 milhões de usuários ativos. Criada para ser a principal rede social para o meio profissional e negócios b2b, essa rede social entra em destaque por oferecer uma segmentação muito mais específica para se relacionar com a sua persona. 

Produza conteúdos relevantes, faça conexões com potenciais clientes e desenvolva comunidades com o mesmo interesse para transformar usuários em leads, direcionando-as para a Landing Page em questão. Com esses conteúdos, você pode se tornar uma autoridade no assunto e até referência para pessoas que buscam aprender mais sobre. 

Assim como o Facebook e o Instagram, o LinkedIn também tem a opção de Ads para patrocinar conteúdos publicados e criar anúncios altamente segmentados.

YouTube

Um verdadeiro protagonista na era dos vídeos, o YouTube conta com mais de 2 bilhões de acessos mensais! Os vídeos são a forma de conteúdo que está em alta no mundo virtual. Uma projeção realizada pela Cisco afirma que esse tipo de conteúdo responderá por cerca de 82% do tráfego da internet até 2021.

E nada mais justo que uma plataforma exclusiva de vídeos ganhasse destaque nessa nova realidade. 

Segundo dados da Hootsuite, 70% do conteúdo consumido na plataforma são determinados pelos sistemas de recomendação do seu algoritmo. Isso significa que, com boas práticas de SEO, os seus conteúdos serão encontrados pelos algoritmos do YouTube e receberão bons cliques da sua persona. 

Dessa forma, você também consegue captar leads incentivando-os a conhecer o seu site ou baixar um material gratuito.  

O YouTube também oferece a opção de vídeos patrocinados de forma bem segmentada conforme os interesses, localidades, entre outros. Para isso, é preciso produzir um vídeo que seja relevante para a sua persona, despertando o interesse de forma rápida e eficaz. 

Campanhas patrocinada para geração de leads 

Nos tópicos acima, nós já citamos a importância das redes sociais tanto para atração, captação e engajamento de leads de forma orgânica, quanto paga. No entanto, existe também a opção de mídia paga dentro do Google Ads. 

Essa é outra estratégia altamente eficaz na geração de leads. Entenda! 

Google Ads

Depende muito do seu mercado e segmento, no entanto, podemos considerar o Google Ads uma grande vantagem na captação de leads, pois os anúncios vão aparecer para usuários que estão ativamente procurando por algo relacionado ao seu produto/serviço. 

Para isso, é preciso um planejamento bem detalhado para não “gastar dinheiro a toa” e receber um bom retorno em cima do seu investimento. Vamos lá? 

Entenda as dores da sua persona

Entender as dores da sua persona significa identificar as suas necessidades, dúvidas e obstáculos que ela enfrenta. Com essas informações em mãos, é possível desenvolver um conteúdo que chame a atenção dela e, claro, traga soluções e materiais capazes de ajudar. 

Por isso a definição da persona é tão importante, pois, caso ela seja feita de forma equivocada, as dores também não serão condizentes, o conteúdo não será efetivo e em consequência, os leads não serão qualificados. 

Faça pesquisas, converse com alguns clientes e faça um mapeamento do comportamento desses usuários no mundo digital. 

Ofereça conteúdo de relevância

Já destacamos a importância de desenvolver materiais ricos como iscas para atrair esses leads e receber os seus dados em troca dos conteúdos. Mas é sempre bom lembrar que é necessário que esses materiais realmente apresentem valor ao seu leads. A oferta deve ser boa para que a troca seja efetiva. 

Um conteúdo raso e curto raramente apresentará algum aprendizado ou ganho nesse relacionamento. Isso poderá causar dificuldades futuramente, quando a sua marca tentar manter um bom relacionamento, tal como a equipe de vendas dificilmente conseguirá firmar um contrato. 

A experiência do usuário deve ser completa, tanto na hora de preencher o formulário, quanto na hora de usufruir o conteúdo. 

O texto precisa passar a informação corretamente, sem erros de português, o design deve ser atraente e sem dificultar o entendimento e até o envio de e-mail deve estar bem configurado para o usuário não ficar esperando o material durante muito tempo. 

 

anuncios-para-gerar-leads

Os anúncios precisam ser assertivos e relevantes para que a ação de gerar leads funcione

 

Anúncios relevantes para gerar leads 

De nada adianta ter um E-book lindo e completo se ninguém chegar até ele para baixar. Aqui, estamos falando sobre campanhas patrocinadas dentro do Google, logo, é preciso desenvolver anúncios relevantes de acordo com cada estágio do funil de vendas.

Vamos supor que a sua empresa venda remédios para dores musculares.

A primeira pergunta que o usuário poderá fazer em seu buscador pode ser: o que causa dores musculares? 

Neste caso, a sua empresa pode ter um anúncio para baixar um infográfico que fale sobre as principais ações ou doenças que causem dores musculares. Ou pode ser também um post no blog com tais informações. 

A próxima pergunta, pode ser: como tratar dor de cabeça? 

Dessa vez é a hora de oferecer um E-book mais completo com os principais tratamentos para dores musculares, abordando desde alongamentos antes de atividades físicas, como tratamentos de doenças como a dengue. 

Por fim, a pessoa pode perguntar: quais remédios para dores musculares?

E, finalmente, o seu anúncio pode ser mais voltado para o remédio em questão, seus benefícios, cuidados e valores. 

Claro, este é só um exemplo e sempre devemos lembrar o usuário de buscar um médico nessas situações, mas entende como cada fase do funil merece um material mais aprofundado e um anúncio específico? E, como dissemos anteriormente, a grande vantagem dos anúncios no Google é que o usuário faz buscas relacionadas ao seu nicho. 

Segmentação de mídia paga

Material rico ok, landing page ok, anúncio ok. Agora é preciso segmentar a sua campanha para gerar leads e otimizar resultados! Para isso, é preciso configurar as palavras-chave corretamente, afinal, não faz sentido o seu anúncio aparecer para pessoas que pesquisam sobre pet shop se você quer ajudar com dores musculares, certo? 

Segmentação por local, frequência, dispositivos, data de início e término, entre outros. Ah! E claro, o orçamento também precisa ser definido. 

Mais do que simplesmente configurar a sua campanha, é preciso fazer um acompanhamento frequente para entender o que está performando melhor ou pior e fazer ajustes sempre que necessário. Afinal, você não quer gastar dinheiro com campanhas que não trazem sucesso.

Agora que você já sabe como gerar leads para a sua empresa, que tal contar com a ajuda de quem é expert no assunto? Entre em contato com um dos especialistas da MadeinWeb e, juntos, podemos abrir um leque de oportunidades para ajudar a sua empresa a crescer cada vez mais. 

Gostou deste artigo? Deixe nos comentários as suas dúvidas e sugestões. Continue acompanhando o nosso blog, ficaremos felizes em ajudá-lo! 

Compartilhe

O que podemos fazer
pelo seu negócio?