MadeMarketing

MadeMarketing

Leitura: 3 minutos

A pandemia do novo coronavírus colocou a existência de muitas empresas em cheque. Como continuar crescendo e atraindo clientes em meio a uma crise econômica e epidemiológica? A resposta está em investir no marketing digital.

 

Ter uma estratégia de marketing bem definida pode ser a saída mais fácil para a sua empresa nesses tempos. O essencial do marketing digital é usar a internet e as mídias sociais para divulgar sua marca, comercializar produtos e aproximar os consumidores. Em tempos que tudo acontece pelo meio digital, porque não arriscar?

 

Leia também: O que é Inbound Marketing?

 

Como o marketing digital pode te ajudar

 

Sobreviver à crise: como usar o marketing digital a seu favor

 

O marketing digital é um recurso utilizado não só para grandes empresas, mas também em pequenos e médios empreendimentos. Por meio dele é possível melhorar as estratégias de vendas e segmentar o público alvo, mas é necessário que seja usado de maneira correta e objetiva.

 

Para isso, conheça os principais pilares do marketing digital:

 

1) Tráfego orgânico

 

Nesse segmento o marketing digital é aplicado em post blogs (como esse que você está lendo), e-books ou infográficos para atrair o público. O tráfego orgânico é bem-sucedido quando há investimento na produção de conteúdo e nas estratégias de SEO (Search Engine Optimization – motor de otimização de busca, em tradução livre).

 

Pelo SEO é possível definir termos mais buscados nas ferramentas de busca e gerar palavras chave específicas que ajudarão o consumidor a chegar ao seu produto.

 

2) E-mail marketing

 

Com a ajuda do e-mail marketing as empresas se aproximam mais de seus clientes e tem mais sucesso nas vendas, divulgação de promoções ou confirmação de compra. Esse recurso também ajuda a mensurar o engajamento desse público ao abrir a mensagem ou possíveis erros de comunicação.

O e-mail marketing se trata do processo de disparo de e-mail, com o intuito de se relacionar com um lead (potencial cliente).

Para você ter ideia, pesquisas recentes indicam que há cerca de 4,3 bilhões de contas de e-mail em todo o mundo. Estima-se que 92% das pessoas usam esse recurso e 61% delas diariamente.

Isso significa que o e-mail marketing se tornou uma das estratégias mais eficientes, uma vez que está presente como ferramenta de marketing para diversos públicos.

Até mesmo para quem atua com nichos, como na venda de equipamentos de combate a incêndio, entre outros, o e-mail marketing pode ser utilizado para repassar promoções, descontos, atualizações, conteúdos, e muito mais!

No entanto, um ponto importante sobre o e-mail marketing, é que muitas pessoas podem confundir o e-mail marketing como spam.

Por isso, se sua empresa trabalha com lavadoras de alta pressão profissional, por exemplo, uma dica para diminuir as chances do seu e-mail chegar como spam é apostando em ferramentas de automação de marketing.

3) Redes sociais

 

Usar as redes sociais como ferramente para vender online ou destacar sua empresa no mercado é um dos fundamentos mais eficientes. Por aqui é possível identificar seus Leads, ou seja, aquela parcela de pessoas que se interessaram pelos seus serviços.

Um bom meio de conseguir esse recurso é por meio das Lading Pages, páginas de acesso para um visitante que tem altas taxas de conversão para futuros clientes.

Uma empresa que vende tubo de cobre 3 8 também pode utilizar as redes sociais como um canal de venda, uma vez que algumas plataformas já disponibilizam mecanismos de vendas.

Gostaria de aplicar os princípios do marketing digital em sua empresa?

 

A Made Marketing conta com profissionais qualificados que têm o seu objetivo como meta a ser cumprida. Converse com um de nossos especialistas e saiba mais detalhes sobre como alavancar os seus negócios em tempos de pandemia.

Compartilhe

O que podemos fazer
pelo seu negócio?